microdelações.jpg
setabranca.png

Microdelações do Cromossomo Y

Investiga a  infertilidade masculina quando há suspeita de azoospermia ou oligospermia grave.

Orientações de Coleta

  • Os atendimentos são por ordem de chegada, não é necessário agendamento prévio;

  • OBRIGATÓRIO DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO COM FOTO;

  • Não necessita de jejum;

  • Obrigatório apresentar requisição médica;

  • Prazo de entrega: 9 dias.

O que é?

Este teste é indicado como parte da investigação de infertilidade masculina, quando esta é acompanhada por azoospermia ou oligospermia grave. Cerca de 7% dos casos de infertilidade masculina demonstram pequenas deleções na região localizada no braço longo do cromossomo Y.

O exame, realizado pela metodologia de PCR-multiplex a qual analisa 20 lócus (posição fixa e específica em um cromossomo, onde está localizado determinado gene ou marcador genético) do braço longo do cromossomo Y, compreendendo as regiões SRY, AZFa, AZFb, AZFc.

Cerca de 15% dos pacientes com azoespermia e de 10% dos homens com oligospermia grave apresentam deleção de uma ou mais das regiões citadas, nas quais se encontram genes que codificam proteínas envolvidas em diferentes etapas da espermatogênese. Como o teste não detecta mutações de ponto, deleção ou inserção de poucas bases, um resultado normal (ausência de microdeleções) não exclui a possibilidade de anormalidade em algum dos genes envolvidos na formação dos espermatozóides. Em 60% dos casos está associado a deleção do fator AZFc, seguido pelo AZFb e AZFa. Não existe correlação entre o tipo de deleção e o fenótipo clinico.

O exame é bastante útil na confirmação da causa de infertilidade e quando após o tratamento da fertilidade não há elevação do número total de espermatozoides.

 

 

O que é Azoospermia

A azoospermia é caracterizada pela ausência total de espermatozoides no sêmen. Ela pode ter causa obstrutiva ou não-obstrutiva. E, dependendo da causa, pode ter tratamento clínico ou cirúrgico. A azoospermia pode ocorrer devido a uma obstrução no trato reprodutivo ou produção insuficiente de esperma. Essa condição pode causar infertilidade masculina. Em alguns casos é possível usar uma tecnologia de reprodução assistida para se conseguir uma gravidez. O esperma pode ser cirurgicamente extraído para inseminação artificial.

 

O que é Oligozoospermia

A oligozoospermia é definida por uma concentração ou número total de espermatozoides que esteja abaixo dos limites de referência do que é considerado normal. Esse termo faz referência à redução na quantidade do número de espermatozoides no sêmen. Esse número pode ser afetado por fatores diversos, como doenças, lesões, estilo de vida do homem e problemas crônicos que afetam a produção de espermatozoides.

Ativo 1.png